08 fevereiro 2017

TUDO POR UMA BOA HISTÓRIA

Coordenação: ANABELA NATÁRIO, ISABEL NERY, SOFIA BRANCO (Sindicato dos Jornalistas)

Como são preparadas as reportagens? Como são sentidas pelos repórteres? Que contrariedades enfrentam? Vinte e quatro jornalistas de várias gerações oferecem-nos um relato vivo sobre o que acontece no terreno, dando-nos a conhecer melhor uma profissão que, numa época de informação fácil e barata, mas ao mesmo tempo tão perigosamente manipulável, nunca foi tão importante para a democracia.

Neste livro encontramos 24 relatos sobre como se prepara e se sente uma reportagem, na perspetiva do jornalista. São textos de jornalistas, sobre jornalismo, mas não meramente para jornalistas. São para todos os que querem perceber o jornalismo e "a razão de ele ser".
No prefácio, Isabel Nery refere que "o que estes repórteres nos deixam é, ao mesmo tempo, uma lufada de esperança e um alerta para o que pode fazer perigar a missão de informar - logo, o direito de ser informado".
Nestes relatos encontramos diversos desafios que se impõe a quem quer fazer jornalismo e ficamos mais próximos daqueles que tantas vezes são criticados pela sociedade. Uma vez que, por norma, são os jornalistas a dar voz a quem quer ou precisa de o fazer, desta vez temos um livro onde a liberdade de expressão não teve limites e onde podemos conhecer esse mensageiro.
José Pedro Castanheira, Catarina Santos, Carlos Daniel, Cândida Pinto, José António Cerejo, Conceição Queiroz, Miguel Carvalho, Catarina Gomes, Sena Santos, Vânia Maia, Rui Cardoso Martins, Bárbara Baldaia, Cesário Borga, Sofia Lorena, Vítor Serpa, Ana Sousa Dias, Nuno Tiago Pinto, Ana Margarida de Carvalho, Tiago Carrasco, Ana Sofia Fonseca, Pedro Caldeira Rodrigues, Ana Cristina Pereira, Tiago Salazar e, ainda, Mário Cruz, são os notáveis 24 que dão vida a este livro.

Mais detalhes sobre este livro aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário