05 novembro 2014

A HERANÇA DE SANTOS SIMÕES - Novas perspectivas para o estudo da azulejaria e da cerâmica

Coordenação: SUSANA VARELA FLOR

Autor de vasta obra publicada, João Miguel dos Santos Simões (1907-1972) foi figura marcante para o estudo da azulejaria e cerâmica portuguesa e holandesa. Passados mais de quarenta anos sobre o seu desaparecimento, a obra legada é não só de referência imprescindível, como serviu também de estímulo a inúmeros investigadores, cujo trabalho reflecte o dinamismo de uma geração que soube trilhar os caminhos abertos por Santos Simões. O livro que agora se dá à estampa tem como objectivos o de apresentar novas perspectivas histórico-científicas em torno dos estudos sobre Azulejaria e Cerâmica e o de prestar bom testemunho da recepção da herança de Santos Simões. A afirmação da História da Arte como ciência aberta tem-se reforçado em Portugal nos últimos anos, justamente porque soube prosseguir a lição dos seus grandes nomes-referência.

Esta obra divide-se em cinco áreas: preservação patrimonial; projetos científicos; estudos de azulejaria (sécs. XVI-XX); estudos de cerâmica (sécs. XV-XX) e, ainda, interações artísticas na azulejaria e na cerâmica. Ao todo são 28 artigos que constroem este livro, que contou com a coordenação científica de Susana Varela Flor. Alguns dos textos publicados são reflexo da interação entre a Rede Temática em Estudos de Azulejaria (coordenada por Susana Varela Flor) "com os vários ramos do saber, numa perspectiva alargada e de investigação integrada, e que em muito ultrapassam a mera inventariação da obra de arte".
Assim sendo, estamos perante uma vasta reunião de estudos sobre a azulejaria e a cerâmica, que merecem a nossa atenção.

Pode comprar o livro aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário