21 agosto 2014

O FUTURO DA MENTE

Autor: MICHIO KAKU
Editora: BIZÂNCIO

Michio Kaku leva-nos numa visita guiada ao que o futuro da mente nos reserva, do ponto de vista de um físico. Não só nos explica de forma consistente como funciona o cérebro, como também nos indica como as tecnologias de ponta poderão vir a alterar o nosso quotidiano permitindo-nos uma outra compreensão das doenças mentais e da inteligência artificial. Com o conhecimento que Michio Kaku tem da ciência moderna, e dada a sua capacidade de prever os desenvolvimentos futuros, O Futuro da Mente é uma obra imperdível sobre a expansão das fronteiras das neurociências.

Na linha dos anteriores trabalhos de Michio Kaku (ex: A Física do Futuro), este é um livro que vai cativar o leitor desde o início. Isto porque Michio Kaku tem a capacidade de abordar uma temática tão complexa como a mente e explicá-la de forma acessível a um público alargado, o que só está ao alcance de um especialista, ou alguém com  paixão pelo tema em questão, como é o caso de  Michio Kaku.
O autor propõe uma leitura sobre o futuro da mente em três momentos. Em primeiro lugar vamos perceber como funciona o cérebro e a evolução desta "ferramenta" ao longo da história. Neste ponto, o autor fala ainda sobre as tecnologias que se encontram atualmente à disposição dos cientistas para o estudo do cérebro. A primeira parte do livro não fica completa sem o autor expressar a perspetiva que tem, como físico, sobre a consciência. Sendo a consciência central para o debate sobre a mente, Michio Kaku apresenta ainda uma definição de consciência, que engloba o reino animal, naquele que é um dos pontos de grande interesse neste livro.
A segunda parte da obra é dedicada à interface cérebro-máquina (ICM), onde podemos ler sobre tecnologias que permitem a gravação de memórias, a leitura da mente, o registo de sonhos em vídeo e a telecinesia. Em suma, o autor avalia como as tecnologias irão evoluir e como estão em curso projetos nos quais os computadores, em interação com o cérebro, possam manipular os objetos que o rodeiam. Na terceira parte Michio Kaku analisa formas não convencionais de consciência, dos sonhos, drogas e doença mental, dando uma perspectiva sobre como no futuro o cérebro poderá ser controlado e manipulado para tratar doenças como a depressão, Alzheimer, Parkinson e outras. 
Neste livro também é explorada a consciência não humana (robots), e a ideia da física quântica de que a consciência é possivelmente a base fundamental da realidade.

Pode comprar o livro aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário